Dr. Marcos Britto da Silva - Ortopedia, Traumatologia e Medicina Esportiva: Ortopedistas: quem são eles e o que eles fazem ?

Ortopedistas: quem são eles e o que eles fazem ?

Quem é o Ortopedista ?

O ortopedista ou cirurgião ortopédico ou ainda cirurgião traumato ortopedista é um médico dedicado ao diagnóstico, tratamento, prevenção e reabilitação de lesões, distúrbios e doenças do sistema músculo-esquelético do corpo. Este sistema inclui ossos, articulações, ligamentos, músculos, nervos e tendões.

Enquanto os ortopedista estão familiarizado com todos os aspectos do sistema músculo-esquelético, muitos ortopedistas se especializam em certas áreas, como pé e tornozelo, mão, ombro e cotovelo, coluna, quadril, joelho, doenças osteo-metabólicas. 
Ortopedistas também podem optar por se concentrar em campos específicos como pediatria, trauma, cirurgia reconstrutiva, oncologia (tumores ósseos) ou medicina esportiva.

Por que escolher um ortopedista ?

Dor nas costas, lesões esportivas, artrite séptica de quadril, artrose de joelhos, torcicolo estiramento e distensões musculares são apenas algumas das condições músculo-esqueléticas que têm um enorme impacto sobre os Brasileiros e todo o sistema de saúde. As estatísticas americanas contabilizam aproximadamente 135 milhões de consultas ambulatoriais, mais de 3 milhões de hospitalizações, quase US$ 245 bilhões em custos médicos anuais e 488 milhões de dias não trabalhados a cada ano. 
Doenças musculoesqueléticas consomem aproximadamente 14% dos gastos com saúde por ano nos Estaddos Unidos. 
Para obter um diagnóstico preciso e as opções de tratamento mais adequadas para as condições músculo-esqueléticas é importante consultar um ortopedista.

Como nos tornamos um Ortopedista?Educação e treinamento

Um cirurgião ortopédico tem formação extensiva no diagnóstico e tratamento tanto clínico quanto cirúrgico de lesões e doenças do sistema musculoesquelético. Cirurgiões ortopédicos completaram aproximadamente 22 anos de educação formal:
  • 12 anos de estudo no Primeiro e Segundo grau
  • 6 anos de estudo em uma Faculdade de Medicina
  • 3 anos de estudo concentrado em uma Residência Médica em Ortopédia.
  • 1 ano numa sub especialidade.
No meu caso específico 26 anos somando mais 4 anos de mestrado em Medicina com área de concentração em Traumato Ortopedia 

Título de especialista é um passo muito importante após a conclusão do programa de treinamento ortopédico. Para tornar-se Membro Titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia ( SBOT) , um médico que cursou a residência ou um curso de especialização deve apresentar um trabalho científico, passar por uma prova escrita, caso aprovado realizar outras provas: oral, exame físico de um paciente e um exame de habilidade em cirurgia. Os candidatos com nota média acima de 6 e acima de 5 individualmente em todas as provas são aprovados.

É importante visitar cirurgiões ortopédicos que sejam membros titulares da SBOT isso garante a você um médico que foi submetido e aprovado num processos de certificação dos mais difíceis do Brasil.

Quais as doenças e patologias que um Ortopedista trata?

Cirurgiões ortopédicos tratam pacientes de todas as idades - recém-nascidos, crianças, atletas, adultos e idosos - com condições que vão desde ossos quebrados, articulações inchadas e fraturas articulares até rupturas nos músculos, ligamentos, nervos e tendões em todas as regiões do corpo.

Algumas das condições e doenças que um cirurgião ortopédico trata:

Anormalidades dos dedos das mãos e dos pés, tornozelos, perna, joelho, coxa e quadril
Na coluna: Dor nas costas, discos intervertebrais protusos, hérnias de disco, dor ciática e escoliose
Tumores ósseos, distrofias musculares e paralisia cerebral
Pé torto, joanete, pernas com tamanho diferente
Fraturas e luxações dos pés até a coluna cervical.
Anormalidades do crescimento
Osteoartrite, osteoartrose  e artrose
Osteopenia e Osteoporose
Complicações articulares e tendinosas da Artrite reumatóide e outras doenças reumáticas
Lesões do esporte ou  traumas relacionadas com o trabalho
Lesões do tendão, músculo contraturado, bursite, degeneração na cartilagem 
Ligamentos rompidos, entorses e lesões capsulares

Que tipos de cirurgias os ortopedistas realizam?

Cirurgiões ortopédicos realizam vários tipos de cirurgias em pacientes.
Cirurgias comuns:
Artroscopia - um procedimento usando câmeras e equipamentos para visualizar, diagnosticar e tratar problemas dentro de uma articulação.
Fusão  articular ou artrodese - um processo de "soldagem" para o qual os ossos são fundidos junto com enxertos e  dispositivos internos - como hastes de metal - isso é realizado para curar uma articulação com problema.
Fixação interna (osteossíntese) - um método para manter os fragmentos de um osso quebrado fixos usando placas de metal.
Substituição das articulações (artroplastia, prótese parcial, total e de revisão) - quando uma articulação artrítica ou danificada é removida e substituída por uma articulação artificial chamada prótese.
Osteotomia ( cortar o osso ) - uma correção da deformidade óssea por corte e reposicionamento do osso, usado para corrigir um osso que está torto, rodado ou fora do eixo.
Reparação de partes moles - sutura ( costura )  de tecidos moles, tais como tendões ou ligamentos rompidos.

O que um paciente espera de uma consulta com um cirurgião ortopédico?

Em geral,  a consulta com o ortopedista começa com uma entrevista pessoal (anamnese) , exame físico e revisão de registros ou testes e exames anteriores. Isso pode ser seguido por exames diagnósticos adicionais, como exames de sangue, raios-X, tomografia, eletro-neuro-miografia, Potenciais Evocados Somato Sensitivos (PESS), Ressonância ou outras imagens.  Seu médico vai discutir com você opções de tratamento para determinar mutuamente o plano mais adequado para a sua saúde e estilo de vida.

Dr. Marcos Britto da Silva
Ortopedista, Traumatologista e Médico do Esporte
Botafogo, Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Atualizado em 12/03/2017.

5 comentários:

  1. Dr Marcos bom dia. Existe viscosuplementaçao para punho? Tenho uma lesao na cartilagem triangular q pegou um pouco o ligamento proximo a ulna e um princípio de artrose na articulaçao radioulnar na regiao da ulna. Tenho 31 anos e professor de tenis. Mao esquerda pelo backhand. Ou algum outro protocolo? 6 meses com dor, principalmente apos atividade, durante quase nao sinto
    Obrigado

    ResponderExcluir
  2. Dr.Marcos e uma luxao posterior no ombro direito eu passaei pelo Dr.jorge ai ele me falo que em 23 anos de carreira é 2 veses que ele me viu isso ai nao sei o que fazer ele mandou procurar um especialista

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim as luxações posteriores de ombro não menos frequentes que as luxações anteriores.

      Excluir
  3. Doutor Marcos, minha filha treinando (corrida e pulo), quebrou a fíbula, se recuperou e agora após 3 meses quebrou a fíbula da outra perna , o que pode estar causando isso porque essa facilidade em quebrar a fíbula, teria algum exame pra investigar o que acontece?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fraturas frequentes podem estar relacionadas a problemas congênitos, porém algumas vezes o problema é mais simples como má alimentação ou também crianças muito levadas. O ortopedista saberá lhe orientar.

      Excluir

ANTES DE POSTAR SEU COMENTÁRIO Leia SOBRE O BLOG

http://www.marcosbritto.com/p/blog-page.html

Somente os seguidores do Blog poderão postar comentários.
Não realizamos consultas pela internet!

Postagens mais lidas na última semana