O que Fazer após uma Emergência Ortopédica ?

Um acidente sempre é uma coisa traumática. Cuidar de uma pessoa que acabou de acidentar-se é difícil para um leigo.  Abaixo algumas dicas úteis
.
Pare o sangramento: A melhor maneira de interromper um sangramento é com o dedo indicador, o dedo indicador é capaz de interromper o sangramento em todas as artérias do corpo com a exceção da artéria Aorta, que precisa do indicador e do polegar! 
use uma luva e pressione o local que está sangrando durante 8 a 10 minutos continuamento, isso é suficiente para parar a maioria dos sangramentos do dia a dia.

Evite torniquetes, o torniquete causa uma isquemia muito grande e caso seja usado por muitas horas pode provocar a perda do membro. Em casos de amputação traumática de parte do corpo o uso do torniquete pode salvar a vida do paciente e deve ser usado. Portanto evite torniquetes em lesões pequenas e use o torniquete em lesões graves.

Fechamento da ferida: Cubra as feridas com tecidos estéreis de preferência gase estéril, se não estiverem disponíveis use tecidos brancos de algodão limpos e passados.

Imobilize a região: faça uma imobilização provisória com tiras de papelão nos membros inferiores ou tipóia para os membros superiores. Se o local que você estiver não possuir recursos abra o botão da camisa e coloque a mão junto do tórax e no caso dos membros inferiores passe o cinto ao redor dos pés, tornozelos e joelhos de modo que uma perna sirva de suporte para a outra

Remoção do paciente: Leve o paciente para o hospital imobilizado em uma prancha de madeira, ( uma porta por exemplo) Todo paciente com acidente de carro até prova em contrário tem lesão na coluna cervical e deve ser manipulado somente por pessoas que conheçam as manobras de extricação. Todo paciente vítima de acidente que apresente lesões no pescoço, face e crânio pode ter lesado a coluna cervical e deve imobilizar a região até ser radiografado.

Dr. Marcos Britto da Silva
Ortopedista, Traumatologista e Médico do Esporte
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
atualizado em 28/06/2014

Comentários

  1. Olá Dr.
    Minha esposa realizará essa cirurgia em breve e gostaria de saber como é o processo de pós operatório? Qual o tempo estimado para recuperação? O processo é muito doloroso?
    obrigado

    ResponderExcluir

Postar um comentário

ANTES DE POSTAR SEU COMENTÁRIO Leia SOBRE O BLOG

http://www.marcosbritto.com/p/blog-page.html

Somente os seguidores do Blog poderão postar comentários.
Não realizamos consultas pela internet!

Mais Lidos

Compressão do Nervo Ulnar no Cotovelo e Punho

Consolidação das Fraturas

Vitamina D Pura DePURA

Lesão Meniscal no Joelho

Cirurgia para tratamento da Fratura de Tornozelo

Frio ou Calor

Postagens mais visitadas deste blog

Quanto Custa Uma Cirurgia?

Compressão do Nervo Ulnar no Cotovelo e Punho

Entorse do Tornozelo

Fratura do Antebraço

Fratura de tíbia - Diafisaria

Consolidação das Fraturas

Minha foto
MARCOS BRITTO DA SILVA
Brazil
- Médico Ortopedista Especialista em Traumatologia e Medicina Esportiva - Chefe do Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Pró-Cardíaco, - Professor Convidado da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, - Membro Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte | SBMEE, Médico do HUCFF-UFRJ, - International Affiliate Member of the AAOS - American Academy of Orthopaedic Surgeons - Membro da Câmara Técnica de Ortopedia e Traumatologia do CREMERJ, - Especialista em Cirurgia do Membro Superior pela Clinique Juvenet - Paris, - Professor da pós Graduação em Medicina do Instituto Carlos Chagas, - Professor Coordenador da Liga de Ortopedia e Medicina Esportiva dos alunos de Medicina da UFRJ, - Membro Titular da SBOT - ( Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia), - Membro Titular da SBTO - ( Sociedade Brasileira de Trauma Ortopédico), - Mestre em Medicina pela Faculdade de Medicina da UFRJ - Internacional Member AO ALUMNI Association, - Internacional Member: The Fédération Internationale de Médecine du Sport,(FIMS)/International Federation of Sports Medicine (http://www.fims.org),