Complicações após uma reconstrução do LCA

Complicações cirúrgicas após uma reconstrução do LCA

Infecção. A incidência de infecção após a reconstrução LCA artroscópica é muito baixa. Também foram relatados óbitos ligados à infecção bacteriana por tecido de aloenxertos devido a técnicas inadequadas de aquisição e esterilização.

Transmissão viral. Os aloenxertos especificamente estão associados ao risco de transmissão viral, incluindo o HIV e a hepatite C, apesar do rastreio e processamento cuidadoso. A chance de obter um aloenxerto de osso de um doador infectado pelo HIV é calculada para ser inferior a 1 em um milhão.

Hemorragia . Raros riscos incluem sangramento por lesão aguda na artéria poplítea .

Dormência e formigamento e fraqueza ou paralisia da perna ou pé são raros, porém não é incomum ter dormência da parte externa da perna ao lado da incisão para retirada de enxerto, isso pode ser temporária ou permanente e esta relacionada a via de acesso. parestesias temporárias nos pés também sào frequentes principalmente quando o pé fica muito tempo para baixo.

Coágulo de sangue e trombose. Embora raro, o coágulo de sangue nas veias da panturrilha ou da coxa é uma complicação potencialmente fatal. Um coágulo de sangue pode migrar na corrente sanguínea e viajar para os pulmões, causando embolia pulmonar ou ao cérebro, causando em casos raros um acidente vascular cerebral.

Instabilidade. A instabilidade recorrente devido à ruptura, estiramento ou afrouxamento  do ligamento reconstruído é possível e apresenta vários relatos na literatura.

Rigidez. Joelho duro. A rigidez do joelho ou a perda de movimento foram relatados por alguns pacientes após a cirurgia. Isso pode ser minimizado com fisioterapia

Falha no mecanismo do extensor. A ruptura do tendão patelar (auto-enxerto do patelar) ou a fratura da patela (tendão do patelar ou auto-enxertos do tendão do quadríceps) podem ocorrer devido ao enfraquecimento no local da colheita do enxerto quando o tendão patelar e a fonte do enxerto.

Lesão na placa de crescimento. Em crianças pequenas ou adolescentes com ruptura do LCA, a reconstrução precoce  cria um possível risco de lesão na placa de crescimento, levando a problemas de crescimento ósseo. A cirurgia LCA pode ser adiada até que a criança esteja mais próxima da maturidade esquelética. Alternativamente, o cirurgião pode ser capaz de modificar a técnica de reconstrução do LCA para diminuir o risco de ferimento na placa de crescimento.

Dor no joelho. A dor pós-operatória na região anterior do joelho é especialmente comum após a reconstrução do LCA com o auto-enxerto do tendão patelar. A incidência de dor por trás da rótula varia muito nos estudos.

A melhor maneira de minimizar as complicações é escolher um bom cirurgião e operar num bom hospital

Comentários

Mais Lidos

Compressão do Nervo Ulnar no Cotovelo e Punho

Consolidação das Fraturas

Vitamina D Pura DePURA

Lesão Meniscal no Joelho

Cirurgia para tratamento da Fratura de Tornozelo

Frio ou Calor

Fratura de tíbia - Diafisaria

Cisto de Baker no Joelho

Entorse do Tornozelo

Bula do Addera D3

Minha foto
MARCOS BRITTO DA SILVA
Brazil
- Médico Ortopedista Especialista em Traumatologia e Medicina Esportiva - Chefe do Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Pró-Cardíaco, - Professor Convidado da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, - Membro Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte | SBMEE, Médico do HUCFF-UFRJ, - International Affiliate Member of the AAOS - American Academy of Orthopaedic Surgeons - Membro da Câmara Técnica de Ortopedia e Traumatologia do CREMERJ, - Especialista em Cirurgia do Membro Superior pela Clinique Juvenet - Paris, - Professor da pós Graduação em Medicina do Instituto Carlos Chagas, - Professor Coordenador da Liga de Ortopedia e Medicina Esportiva dos alunos de Medicina da UFRJ, - Membro Titular da SBOT - ( Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia), - Membro Titular da SBTO - ( Sociedade Brasileira de Trauma Ortopédico), - Mestre em Medicina pela Faculdade de Medicina da UFRJ - Internacional Member AO ALUMNI Association, - Internacional Member: The Fédération Internationale de Médecine du Sport,(FIMS)/International Federation of Sports Medicine (http://www.fims.org),