Dr. Marcos Britto da Silva - Ortopedia, Traumatologia e Medicina Esportiva: Radiografia após a reconstrução do LCA

Radiografia após a reconstrução do LCA

Radiografia pós-operatória da reconstrução do Ligamento Cruzado Anterior

O raio-X pós-operatório após a reconstrução do tendão patelar ACL (com imagem de sobreposição sobreposta) mostra a posição do enxerto e a fixação dos tampões ossos com parafusos de interferência de metal porém os materiais não metálicos tem maior dificuldade de visualização

Na técnica de reconstrução ACL mais comum, os túneis ósseos são perfurados na tíbia e no fêmur para colocar o enxerto LCA em quase a mesma posição que a LCA rompido. Uma agulha longa passa então pelo túnel da tíbia, através do túnel femoral e sai pela pele da coxa. As suturas do enxerto são colocadas através do olho da agulha e o enxerto é puxado para a posição através do túnel tibial e depois no túnel femoral. O enxerto é mantido sob tensão, pois é fixado no local usando parafusos de interferência, anilhas, postes ou grampos com ponta. Os dispositivos usados ​​para manter o enxerto no lugar geralmente não são removidos.

As variações nesta técnica cirúrgica incluem os tipos de reconstruções LCAde "duas incisões", "over-the-top" e "double-bundle", que podem ser usados ​​por preferência do cirurgião ou circunstâncias especiais (revisão de reconstrução LCA ou placas de crescimento aberto).



Antes do final da  cirurgia, o cirurgião irá testar o enxerto para se certificar de que tem uma boa tensão, verificar se o joelho tem toda a amplitude de movimento e realizar testes como o teste de Lachman para avaliar a estabilidade do enxerto. A pele está fechada com sutura e são aplicados curativos. O paciente geralmente vai para casa no dia seguinte a cirurgia.

Leia Mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE POSTAR SEU COMENTÁRIO Leia SOBRE O BLOG

http://www.marcosbritto.com/p/blog-page.html

Somente os seguidores do Blog poderão postar comentários.
Não realizamos consultas pela internet!

Google+ Followers