Dr. Marcos Britto da Silva - Ortopedia, Traumatologia e Medicina Esportiva: Tendinite

Tendinite

A tendinite ou tenossinovite é uma inflamação na Bainha do tendão ( Fina camada que envolve e lubrifica o tendão) que pode ser causado por um esforço repetido ou por uma doença. O trauma local também pode provocar tendinite. Os principais sintomas são: Dor edema, Hiperemia (vermelhidão) e algumas vezes pode surgir crepitação ( ao colocarmos a mão sobre o local sentimos uma discreta vibração durante o movimento do tendão). Temos vários tipos de tendinite: tendinte calcária, Tendinite estenosante (dedo em gatilho), tendinite ocasionais, tenossinovite tuberculosa, tenossinovite nas doenças reumáticas, tenossinovite de DeQuervain, tenossinovite infecciosa.

O que é a tendinite?
Para entendermos a tendinite, precisamos saber o que é o TENDÃO. O tendão é a estrutura que liga os músculos aos ossos. Quando contraímos a musculatura, o tendão faz com que o osso se movimente. Então, a tendinite nada mais é do que a inflamação do tendão e geralmente é causada pelo atrito entre o tendão e as estruturas ao seu redor. Para diminuir esse atrito, o tendão desliza dentro de uma membrana, que o envolve, chamada peritendão. Dentro do peritendão, existe uma fina lâmina de líquido que proporciona uma diminuição do atrito entre o tendão e as estruturas que o cercam.O tendão é como uma corda amarrada a um balde quando puxamos a corda o balde de movimenta. Imagine que você está em cima da casa e quer puxar o balde para o telhado. Quando puxamos o balde várias vezes a corda começa a ficar gasta e com o passar dos dias ela pode esgarçar ou até mesmo romper. Imagine que você está puxando o balde para o telhado porém colocou uma roldana na quina da laje para impedir que a corda encoste na borda da laje. Essa roldana faz o mesmo papel da peritendão. Outra maneira de evitar o atrito entre a borda da laje e a corda é projetar o nosso corpo para fora e puxar o balde sem que a corda encoste na borda da laje. Da mesma forma podemos mudar a posição da mão para diminuir o atrito e evitar a tendinite no punho.

A tendinite ocorre quando há atrito entre o tendão e as estruturas ao seu redor. Para evitar a tendinite devemos minimizar esse atrito. A tendinite pode ser provocada por movimentos repetitivos ou agudamente por um trauma.


O que é o dedo em Gatilho?
O dedo em gatilho é uma tendinite estenosante que ocorre na mão, ocorre devido a um espessamento do tendão que fica preso sob a polia. O tratamento inicialmente é feito com medidas locais e antinflamatórios, porém mitos casos necessitam de tratamento cirúrgico.

Como saber se uma dor que estamos sentindo no punho, por exemplo, é tendinite?
O paciente deve desconfiar de tendinite quando sente dores durante o movimento ou ao segurar objetos. As tendinites podem ocorrer também nos membros inferiores. mulheres que usam sandálias amarradas nos tornozelos podem apresentar tendinite nos extensores dos artelhos.

Anatomicamente falando, como o uso dos computadores favorece o aparecimento da tendinite?
O ato de digitar é um movimento repetitivo ( puxamos o balde para o telhado centenas de vezes). o posicionamento adequado das mãos, punho, cotovelo e ombros diminui o atrito entre os tendões e as estruturas ao redor. ( imagine puxar o balde com o corpo para fora, você evita atrito entre a corda e a borda da laje) usar o computador por si só não provoca diretamente a tendinite, porém o uso excessivo e em posições incorretas podem ser um fator coadjuvante no surgimento da tendinite.
 
O que pode acontecer quando não se faz o tratamento correto?
A tendinite sem o tratamento correto pode levar a dor crônica e a ruptura dos tendões.

O que você acha do tratamento concomitante de antiinflamatórios, terapia ocupacional e fisioterapia para a tendinite?
O tratamento concomitante é viável, porém, prefiro o tratamento sequencial. Na tendinite o fator mais importante é a reeducação postural na execução das atividades que levaram à tendinite. No cotovelo devemos priorizar também o alongamento e no ombro devemos fazer um reforço muscular para diminuir o impacto que ocorre durante os movimentos. O tratamento deve ser individualizado, caso a caso, de acordo com os fatores envolvidos na gênese do problema. Antinflamatórios usados cronicamente podem levar a uma série de complicações e não devem ser tomados sem orientação médica.

Dr. Marcos Brito da Silva
Ortopedia, Traumatologia e  Medicina do Esporte
Botafogo, Rio de Janeiro, RJ
atualizado em 01/06/2014


Leia mais sobre dedo em gatilho

35 comentários:

  1. ACHEI SEU SITE MUITO BOM, VC É ESPECIALISTA EM QUE ÁREA DA ORTOPEDIA? MEU MSN É andreia2204@hotmail.com, sou colunista de 2 sites aqui e mais um jornal

    ResponderExcluir
  2. GOSTEI MUITO DO SEU SITE, TB ESCREVO, EMBORA TENHA FEITO DIREITO, SOU COLUNISTA DE DOIS SITES E MAIS UM J0RNAL. VC É TRAUMATOLOGISTA TB?

    ResponderExcluir
  3. Sim, sou traumatolgista, gosto especialmente da reconstrução articular.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Dr. Marcos Britto,
    O que significa " Sinovite Tibiomalar De Tornozelo " ?
    Qual o tratamento?
    Obrigada *.*

    ResponderExcluir
  5. boa tarde gostaria de saber se vcs podem me ajudar eu sinto muitas dores na coluna lombar aí fiz uma tomografi?
    boa tarde gostaria de saber se vcs podem me ajudar eu sinto muitas dores na coluna lombar aí fiz uma tomografia , recebi o resultado hj no laude do exame tem o seguinte :pequenos nodolus de schomrl nas placas terminais dos corpos vertebrais inferiores de L4 e L5.
    fusão parcial do processo espinhoso de S1.
    artrose interapofisária esquerda L4-L5 e sacroiliaca bilaterai iniciais.
    por fv vcs poderiam me dizer se é grave e como se trata ? eu tenho hernia de disco e se artrose tem cura ?

    ResponderExcluir
  6. boa tarde gostaria de saber se vcs podem me ajudar eu sinto muitas dores na coluna lombar aí fiz uma tomografi?
    boa tarde gostaria de saber se vcs podem me ajudar eu sinto muitas dores na coluna lombar aí fiz uma tomografia , recebi o resultado hj no laude do exame tem o seguinte :pequenos nodolus de schomrl nas placas terminais dos corpos vertebrais inferiores de L4 e L5.
    fusão parcial do processo espinhoso de S1.
    artrose interapofisária esquerda L4-L5 e sacroiliaca bilaterai iniciais.
    por fv vcs poderiam me dizer se é grave e como se trata ? eu tenho hernia de disco e se artrose tem cura ?

    ResponderExcluir
  7. Olá Dr. Marcos,

    Quero apenas saber se o que tenho pode ser uma possivel tendinite.
    Trabalho com computador há 5 anos de 8 a 10hs por dia.
    De uns 2 anos pra cá tenho tido inchaços e dores entre o polegar e o indicador quando faço digitações frequentes e ao passar chapinha no cabelo.
    pode ser tendinite? Devo procurar um médico?

    ResponderExcluir
  8. O site do Senhor é simplesmente espetacular , tira todas as duvidas que temos e ficamos mais conhecedores dos nossos problemas . Mais uma vez parabens por tudo que coloca para tirarmos as duvidas que temos . Maria Lucia Azevedo

    ResponderExcluir
  9. Dúvida: o que significa "pequena quantidade de líquido na inserção subescapular", é tendinite.

    ResponderExcluir
  10. Pode sim se tratar de tendinite, importante o ortopedista rever a exata localização. Junto pode significar " sobre ou dentro " e isso pose estar relacionado a bursite, tendinite, tendinopatia e tendinose, dependendo dos demais achados e correlação com o exame clínico.

    ResponderExcluir
  11. bom noite Dr. Marcos olha ha mas de 1 ano q tenho tendinopatia do quadricipes distal edema da gordura suprapatelas e infrapatelar inferindo hiperpreçao do mecanismo extensor cistor de back derrame intraticular no joelho direito e no esquedo (1) alteracao degenerativa discreta no corno do posterior do menisco medial (2) tendinopatia do quadricipes distal edema da gordura suprapatelas e infrapatelar inferindo hiperpreçao do mecanismo extensor, e na coluna lonbar (1)Retificaçao da curvacao lonbar fisiologica (2) leve reduçao na altura do disco L4-L5 ,que apresenta minima saliencia das fibras do anel fibroso .

    agradeço e aguado resposta laercio leite jupi-Pe
    militar do exercito brasileiro


    email gatowebagora@hotmail.com

    email papa-legua-jupi@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses achados são mais comuns em pessoas mais velhas a sua foto é de uma pessoa jovem, você deve procurar um ortopedista e discutir com ele as opções terapeuticas.

      Excluir
  12. boa tarde Dr Marcos, meu nome é Flavia Cristina, tenho 26 anos, trabalho como auxiliar de serviços gerais e de uns 6 meses para cá comecei a sentir dores no punho direito, meu polegar só treme sem meu controle, sinto minha mão direita dormente e um ponto de dor aguda na parte frontal do punho, alem do enchaço em toda minha mãe e punho, fui ao ortopedista e ele me mandou fazer uma ultra e uma ressonancia magnetica, na ultra sonografia deu assim: 6° compartimento sinovial: tendão extenor ulnar do carpo de aspecto anatômico em sua topografia anterior ao processo estilóide da ulna, discretamente espesado e na ressonancia magnetica: minima quantidade de liquido na bainha dos tendões extensores radial, longo e curto do carpo.
    pequeno derrame articular entre o piramidal e i pisiforme.
    diminuta formação cistica ovalada, medindo cerca de 0,5 cm, situada nas partes moles na face dorsal do punho, adjacente ao capato, sujestiva de cisto sinovial.
    ja fiz 10 sessões de fisioterapia mais os sintomas continuam, o que seria isso? TENDINITE? meu email é : flaviacristinalp1986@gmail.com

    ResponderExcluir
  13. Bom dia Dr. Marcos, meu nome é Marília, sou enfermeira emergencista, e há 2 meses começei a sentir dores no ombro direito (sou destra), fui ao ortopedista que solicitou Ressonância, fiz no dia 15/01/13, mas só vou levar no especialista no dia 15/02/13, e o resultado da RM, deu o seguinte diagnóstico:
    #Tendão supraespinhal de contornos preservados e espessura preservados, notando-se aumento de sinal de suas fibras e em zona conjunta tendíne supra/infraespinhal, retratando tendinopatia. Não há sinais de ruptura. Para o tendão infraespinhal, foi o mesmo achado.
    #Discreta distensão líquida de sua bainha tendínea, denotando discreta tenossinovite.
    #Pequeno derrame articularr glenoumeral.
    Por favor o senhor pode me dizer o diagnóstico de acordo com esses achados?.
    Obrigada
    meu email: mariliaccoelho@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para realizarmos um diagnóstico correto precisamos examinar o paciente e correlacionar a imagem com a história clínica. Não necessariamente todos os achados de uma ressonancia se traduzem no diagnóstico das dores.

      Excluir
  14. Tenha inchaço entre o polegar o indicador. E, ás vezes sinto bastante dor ao mexer os dedos (das duas mãos). Pode ser tendinite, certo? Mas é necessário que eu procure um ortopedista logo ou posso "aguentar" que não vai haver algo mais grave, como ruptura do tendóes... Pergunto isso pois estou para me formar e preciso escrever (digitar!) a minha monografia, porém, talvez teha mesmo que perder este semestre devido à estas dores nas mãos.

    ResponderExcluir
  15. Boa Tarde Dr.Marcos!pesquisando pela nete sobre tendinite,encontrei este blog que esclarece um pouco das minhas dúvidas.estou seguindo. ombro direito:ruptura completa dos 60% anteriores do supra-espinhoso Efusão articular anterior severa ombro esquerdo:Bursite sub-acromial Ruptura completa dos 25% anteriores do supra-espinhoso estou fazendo seções de fisioterapia a 2 meses,e medicamentos,mas as dores são insuportáveis me impedindo os movimentos mais simples,trabalho com pintura em tecido,está quase impossovel trabalhar,já passei por dois profissionais e peço sua opinião tenho mesmo que fazer cirurgia? Agradecida desde já Feliz Ano Novo para o Sr e sua familia,paz,saúde,prosperidade Email:maze_baxinha@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entre no link acima onde está escrito OMBRO, nele você irá encontrar mais artigos sobre o tema.

      Excluir
  16. Tive um entorse no tornozelo ha 1ano e estou com tenossinovite dos fibulares desde entao. Sinto muita dor e nao consigo ficar em pé mais do que 10minutos, já fiz 30 fisioterapia seguidas sem nenhuma melhora, nenhum remedio que tomei também nao ajudou. Vou começar hidroginastica por conta propria para ver se melhora algo.
    Existe algum tratamento além de fisioterapia para tenosssinovite como por exemplo a artroscopia? os medicos me dizem q nao é pra cirurgia mas também nao conseguem nenhuma melhora, tem uma especialista em pe e tornozelo que já ate me mandou ir a um centro de macumba. rsss.
    Estou desiludido e meio desesperado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para realizar o tratamento devemos primeiro identificar a causa do problema.

      Excluir
  17. Bom dia Dr. Marcos.
    A pouco mais de 1 mês me consultei com um Ortopedista pois estava com muitas dores na área próxima ao tornozelo do meu pé direito, tendo até dificuldades de caminhar. Então o especialista pediu para fazer o quanto antes um exame de ressonância (para tirar qualquer dúvida), visto que eu já tinha em mãos exames de raio X e ultrassonografia.
    Bem, a conclusão da ressonância foi a seguinte:
    1) Tenossinovite do tibial posterior.
    2) Tenossinovite do flexor longo do hálux.
    3) Edema ósseo subcondral no navicular sugerindo lesão osteocondral.
    Então tendo isso em mãos o Ortopedista sugeriu que eu procurasse um Reumatologista, pois se tratava de um caso deste profissional.
    Acontece que ontem fui a consulta com um Reumatologista e este ao ver meus exames indicou que eu procurasse um Ortopedista, pois se tratava de um caso deste profissional. Enfim Dr. Marcos, estou desde fevereiro deste ano fazendo exames, marcando consultas, tomando diversas medicações, fazendo várias visitas ao pronto socorro e perdendo inúmeros dias de serviço na empresa(perigando ganhar até a conta).
    Doutor, eu só preciso de uma resposta, afinal de contas, qual Profissional devo buscar para o meu caso?
    Obrigado Dr. Marcos pela atenção e tenha um bom dia!
    Valmor Flohr Junior

    ResponderExcluir
  18. Boa tarde Dr Marcos!
    Meu nome é Tatiana e tenho 37 anos.
    Em agosto de 2012 fiz uma ultrassonografia que constou tendinite nos extensores do punho esquerdo e direito, porém no mês de julho deste ano fiz novamente 2 ultrassonografia e não constou nada. Não fiz nenhum tratamento e meu dedo médio ainda permanece em gatilho. Será que ainda tenho a tendinite?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No final da postagem tem um link para dedo em gatilho

      Excluir
  19. Bom dia Dr.estou com tendinose supraespinal ombro direito.tendinose donsuprarspinal com retificação bordo deltóideoprocesso edematoso na articulação acromo clavicular ombro esquerdo. Posso marcar uma consulta? Obrigado

    ResponderExcluir
  20. Boa tarde, Dr Marcos! Gostei muito do seu blog e da maneira como interage com as pessoas. Parabéns!
    Bem, há uns três meses atrás comecei a sentir uma dor no punho e rapidamente, questão de uma semana, surgiu e cresceu uma espécie de cisto duro com uns 2cm. Fui ao ortopedista e ele disse ser mesmo cisto e que eu teria que operar. Fiz o raio x e não deu nada, e o "cisto" foi diminuindo até sumir em duas semanas. Só tomei anti-inflamatório. No retorno, o ortopedista disse que era tendinite, me receitou fisioterapia e uma ultra. No entanto a dor foi desaparecendo. Ao fazer a ultra, não foi diagnosticado nem cisto, nem tendinite. Enfim, por sorte n era "nada", porém se me esforço um pouco mais (sou professora e desenho também), escrevendo ou desenhando ou qualquer outra atividade em que esforce o punho, sinto um incômodo e a veia na região fica inchada. O quê pode ser? Que médico devo procurar?
    Obrigada

    ResponderExcluir
  21. Olá! Operei o tornozelo de tendinite, bursite e sinuvite. Foi dia 02/junho e até hoje sinto dor, inchaço e o pé dormente. Meu médico aplicou infiltração na minha recuperação mas ainda não estou recuperado. Essa demora é normal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O grau de recuperação é proporcional a gravidade do caso. Dois pacientes com a mesma patologia podem ter velocidade de recuperação diferentes. Seu ortopedista saberá lhe orientar em relação a velocidade de recuperação

      Excluir
  22. Ola Dr. Antes de mais parabens pela clareza da informação que presta.
    Há 2 anos desenvolvi uma tendossinovite no polegar numa queda de snowboard. Fiz anti-inflamatorios mas nunca fisioterapia. Com a chegada do frio sinto dores no polegar que me limitam, sentindo apenas conforto com a aplicação de calor. Será que devo procurar ajuda medica ou depois de passar tanto tempo não há nada a fazer? Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andreia acho que mesmo tendo passado muito tempo vale a consulta com o ortopedista.

      Excluir

ANTES DE POSTAR SEU COMENTÁRIO Leia SOBRE O BLOG

http://www.marcosbritto.com/p/blog-page.html

Somente os seguidores do Blog poderão postar comentários.
Não realizamos consultas pela internet!

Postagens mais lidas na última semana